- Alexandre Pingo - - 19 de setembro de 2019 | - 12:33 - - Home » Sem categoria - - Sem Comentários

O Sindiserve de Nossa Senhora da Glória reuniu os servidores em Assembleia Geral na noite desta quarta-feira, 18 de setembro, para falar sobre o posicionamento da administração municipal quanto às pautas apresentadas pela entidade sindical em uma reunião com a secretária de educação no dia 11 de setembro. 

Durante a assembleia do dia 10 de setembro, os servidores deliberaram que não aceitarão a carga horária diferenciada entre novos e os antigos servidores e reivindica a manutenção da atual carga horária, de seis horas diárias ininterruptas, para todos os trabalhadores, regulamentação do pagamento da gratificação de desempenho aos servidores que trabalham o segundo turno; e a necessidade convocação de mais servidores aprovados no concurso.

Em resposta ao ofício entregue pelo sindicato após a reunião com a secretária municipal de educação Maria Rosivania, a secretaria de educação informou que a questão da isonomia será discutida em janeiro de 2010 e que, por conta da atuação situação financeira, não será possível a contratação de novos servidores, por isso optou pela distribuição da jornada de trabalho em 8h diárias. Por fim, o Executivo Municipal garante no valor de 35% do salário base para todos os servidores que prestarem serviços extraordinários excedendo sua carga horária diária. 

Diante desse indicativo positivo de negociação, os servidores decidiram aguardar e não parasilar as atividades.

Enium Soluções Digitais

Deixe seu comentário!

Para:

Deixe uma resposta