Após prata no Brasileiro de GR, Maria Luiza foca em “estágio internacional”

- Alexandre Pingo - - 1 de julho de 2016 | - 9:32 - - Home » Esporte - - Sem Comentários

 

Após alcançar 16,600 na prova com mãos livres, garantindo a medalha de prata, Maria Luiza ainda trouxe na bagagem a quarta colocação no arco, a nona na prova com bola e a décima quinta nas fitas no Brasileiro de ginástica rítmica em Manaus. Ela finalizou a competição em quarto lugar geral, a 20 décimos da terceira. No retorno para a capital sergipana, ela desfilou pelas ruas no carro do Corpo de Bombeiros.

Com apenas 12 anos de idade e três na modalidade, ela tem pela frente uma missão de “gente grande”. Desta vez a sergipana está com passaporte carimbado para passar dois meses em estágio internacional com a técnica dela, Ana Lúcia Dória. Mas até lá tem que enfrentar a saudade dos pais e aprimorar técnicas e movimentos para seguir na carreira internacional.

– Ela brilha sempre por sua dedicação, treina cerca de quatro horas todos os dias da semana e vem se destacando nas provas individuais, chamando atenção até da técnica russa, Alsun Gattina que veio ver Luiza em Janeiro e ofereceu a bolsa para gente passar dois meses no país – explica a técnica.

O destino de Maria Luiza ainda pode ser alterado, pois a sergipana também foi convidada para estágio na Bulgária, onde as demais colegas de equipe também foram convocadas no mesmo período dos torneios internacionais.

– Os pais dela investem bastante nas malhas e não medem esforços. O resultado iniciou em 2013, quando se ficou entre as quatro melhores do regional, seguindo em 2014 e 2015. Mas foi no torneio nacional do ano passado que ela ficou com segundo lugar em Brasília, ficou em terceiro no Chile e deu impulso nas competições sendo a única no brasileiro a trazer medalha de prata – ressalta Ana Lúcia.

Fonte: GE Sergipe 

Enium Soluções Digitais

Deixe seu comentário!

Para: Após prata no Brasileiro de GR, Maria Luiza foca em “estágio internacional”

Deixe uma resposta