CARAVANA DE LULA EM MG FOI VITORIOSA, DIZ MÁRCIO MACEDO

- Alexandre Pingo - - 31 de outubro de 2017 | - 10:52 - - Home » Política - - Sem Comentários

Após circular por dezenas de cidades e percorrer mais de 1.500 km, acabou nesta segunda-feira, 30, a caravana “Lula Pelo Brasil” em Minas Gerais, que foi coordenada pelo vice-presidente nacional do PT e ex-deputado federal, Marcio Macedo. Durante oito dias, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pode realizar um diagnóstico do estado, debater diversos temas, como a crise hídrica e a questão educacional, assim como visitar universidades e institutos federais.

“A caravana Lula Pelo Brasil em Minas Gerais foi vitoriosa. Um sucesso, assim como a do Nordeste. Passamos pelos Vales do Aço, Rio Doce, Mucuri, Jequitinhonha, o Norte de Minas e finalizamos na capital de todos os mineiros, numa demonstração de amor do povo por Lula. A caravana debateu sobre a soberania nacional, meio ambiente, crise hídrica e o desenvolvimento do nosso país. Os mineiros deram recado de que querem um país mais justo, tolerante e responsável para com seu povo”, destacou Marcio Macedo.

Para Lula, só se conhece o Brasil, de fato, circulando por suas estradas, indo de cidade e cidade e conversando com as pessoas. “Depois que terminaram as eleições em 89, descobri que nenhum candidato que disputa eleição para presidente conhece o país. Em uma campanha, a pessoa pega um avião onde mora, desce na outra capital, anda de carro, vai para o palanque, faz o discurso e não conhece nem quem está por lá. Ou seja, a pessoa termina não tendo noção dos problemas, da cultura e das desigualdades”.

O ex-presidente conta que quis revisitar o Brasil para mostrar os avanços consideráveis que conquistou durante seu governo e o de Dilma Rousseff. “Minha decepção é que muita coisa está paralisando e o empobrecimento volta a se consagrar”, complementou.

Apesar dos retrocessos pelos quais o país passa, Lula afirma que há aspectos que o deixam orgulhoso. “Chegar em Teófilo Otoni e ter visto aquela universidade é algo de emocionar. Fiquei muito feliz, também, com a visita à cooperativa de pequenos agricultores. Percebe-se que o Brasil pode dar certo com pouca coisa. E é isso que me anima e faz acreditar que o pobre ainda é a solução do Brasil”, ressaltou.

De cidade em cidade

Do primeiro dia de caravana até o último, Lula passou por mais de 20 cidades. Marcio Macedo destaca alguns momentos que marcaram a viagem do ex-presidente. Um deles foi na visita à Governador Valadares, na qual houve um ato às margens do rio Doce. “Este sofreu uma das maiores tragédias ambientais do nosso país e essa localidade foi uma das mais atingidas. O desastre dificultou o consumo de água humana e animal e ainda a cadeia produtiva local. O ato do presidente Lula foi em defesa da vida, do desenvolvimento sustentável, denunciando a tragédia que ocorreu em Mariana”.

Na cidade de Periquito, segundo o coordenador da caravana, Lula conheceu o viveiro de mudas realizado em parceria entre o Movimento Sem Terra (MS) e o Governo do estado, que tem como objetivo replantar e recuperar as nascentes através de plantas nativas da Mata Atlântica e do Serrado.

Em Montes Claros, Norte de Minas Gerais, o vice-presidente nacional do PT recordou que houve uma visita a um assentamento. “Foi uma experiência maravilhosa a um espaço de irrigação por gotejamento visitado por Lula. A iniciativa é feita por famílias que administram e produzem a horta sem produtos químicos”, pontuou Macedo, acrescentando que 70% da comida que vai para mesa dos brasileiros vêm da agricultura familiar.

No Vale do Jequitinhonha o ex-presidente foi ao campus do Instituto Federal do Norte de Minas Gerais, em Araçuaí, para promover um debate sobre educação, segundo relatou Marcio. O ex-deputado federal destaca que fez parte das lutas pela Educação e conta que, durante seu mandato, buscou que os 25% do Pré-Sal fossem destinados para financiamento da Educação Pública, e destinou emenda de R$ 14 milhões para a Universidade Federal de Sergipe construir a didática VII e a Vivência.

Destaques da caravana

O escritor Fernando Morais esteve presente na caravana e falou sobre a forte presença da juventude nos atos. “Há muito tempo que não vejo um movimento político com tanta gente jovem e articulada. E não é gente que veio por causa de sanduíche e que foi liberado pela escola. É gente que está aqui porque quer Lula, o conhece e sabe que ele vai voltar”.

Para o secretário geral do PT, Romênio Pereira, o destaque da caravana foi a emoção das pessoas em poder encontrar com o presidente mais popular que o Brasil teve em 100 anos. “Lula representa a volta da esperança. É uma alegria para nós, mineiros, recebê-lo através dessa caravana”.

Já para a ex-presidenta Dilma Rousseff, as caravanas realizadas por Lula são meios de discussão, de combate, de resistência e de luta. Ela acredita que só Luiz Inácio pode salvar o país. “Só uma pessoa com a experiência dele pode fazer as três coisas mais necessárias neste momento do Brasil: primeiro, reforçar todas as conquistas que nós tivemos; a segunda é voltar atrás todos os retrocessos, restaurar os direitos que foram roubados; a terceira é fazer avançar as conquistas que ainda faltam. […] Mas antes de mais nada, é preciso restaurar a democracia, tão ameaçada, inclusive pela justiça, quando age como um instrumento de política”.

Por Valter Lima / FaxAju

Enium Soluções Digitais

Deixe seu comentário!

Para: CARAVANA DE LULA EM MG FOI VITORIOSA, DIZ MÁRCIO MACEDO

Deixe uma resposta