Com intenso trabalho do 4º Batalhão e Ciopac, Sertão de Sergipe completa 100 dias sem registros de homicídios

- Damião Feitosa - - 10 de junho de 2022 | - 9:42 - - Home » Cidades» Destaque» Notícias» Sertão - - Sem Comentários

Foto: Damião Feitosa | 4º BPM/SE

Nesta quinta-feira, 09, o 4° Batalhão de Polícia Militar completou 100 (cem) dias sem homicídios em sua área de atuação, o que representa uma redução de 18,2% no índice geral deste ano, e uma redução de 100% no período pós-carnaval.

A atuação do 4° BPM, que tem sua sede na cidade de Canindé de São Francisco, se estende por grande parte do sertão sergipano, atendendo mais seis municípios, através de três companhias. A primeira companhia tem sua base também em Canindé, e assiste ainda aos municípios de Poço Redondo e Santa Rosa do Ermírio. A segunda companhia fica na cidade de Porto da Folha, e atua também em Gararu e Nossa Senhora de Lourdes. A terceira companhia está no município de Nossa Senhora da Glória, e atende Monte Alegre de Sergipe também.

Com apoio da Companhia Independente Operações Policiai em Área de Caatinga, o 4° BPM contabiliza ainda a apreensão de 60 armas de fogo, que usualmente são utilizadas para práticas dos mais diversos crimes, 190 prisões em flagrante, 37 veículos recuperados e a apreensão de 5kg de drogas diversas.

Segundo o tenente-coronel Vitor Andersom, comandante do batalhão, os municípios de Gararu e Monte Alegre de Sergipe estão “zerados” em homicídios no ano corrente, figurando entre os municípios com maior redução de crimes de grande vulto. “Isso tudo, graças à atuação efetiva dos militares do 4º BPM e da Ciopac, que diuturnamente com sapiência, perseverança, força de vontade para servir ao povo sertanejo e continuar a lutar, não descansam e jamais recuam diante do adversário”, completou o comandante.

 

Informações da Polícia Militar do Estado de Sergipe

Enium Soluções Digitais

Deixe seu comentário!

Para: Com intenso trabalho do 4º Batalhão e Ciopac, Sertão de Sergipe completa 100 dias sem registros de homicídios

Deixe uma resposta