Em jogo frenético, Itabaiana vence Cumbe e sai na frente por vaga na final

- Alexandre Pingo - - 23 de outubro de 2018 | - 12:04 - - Home » Esporte - - Sem Comentários

Cumbe e Itabaiana deram o pontapé inicial para os jogos das semifinais da Copa TV Sergipe de Futsal. A torcida lotou o ginásio em Glória que passou a ser a casa da seleção de Cumbe. E olha, emoção não faltou. De um lado, a melhor defesa da competição, do outro, o melhor ataque da Copa.

A partida começou com Cumbe melhor, dando bastante trabalho a seleção de Itabaiana, única equipe 100% na competição. A equipe com a defesa menos da vazada da competição, os ‘donos da casa’ ofereceram resistência ao poderio ofensivo de Vassoura & companhia.

Bebeto tentou a primeira para Itabaiana, mas não conseguiu. Já Jefferson, de Cumbe, foi certeiro. Em um chutaço ele acertou o gol e abriu o placar para Cumbe. Itabaiana passou então a jogar muito mais na quadra ofensiva e Cumbe passou a oferecer muito perigo nos contra golpes. Em um deles, Kassio recebeu sozinho, tentou tirar de Rafael, mas errou o alvo.

E se você está jogando conta Vassoura, não pode dar esse tipo de vacilo. O camisa 18, que estava fazendo uma partida discreta até então, foi levando, encontrou a brecha e mandou pro gol, a bola desviou em Edinei e foi no cantinho do goleiro, empatando o jogo.

O gol soltou Vassoura no jogo e com isso, o time todo cresceu. O time conseguia conter o ímpeto de Cumbe. O árbitro marcou pênalti para Itabaiana e deu amarelo para Dadá. Na cobrança, Vassoura bateu bem e virou para o Tricolor. Foi o oitavo gol dele na competição em apenas três jogos.

No final do prImeiro tempo, Kassio e Jefferson fazem jogada combina e Jefferson empata o jogo, no último lance.

Na volta do intervalo o jogo continuou cheio de emoção. Logo na primeira chance, o goleiro Tiago foi para a área, encobriu o goleiro Rafael e a bola tocou no travessão, na sobra, Dadá, livre, perde um gol inacreditável.

Vassoura novamente aparecendo no jogo. Ele carregou e chutou, o goleirão defendeu e na sobra, Hiltinho colocou Itabaiana novamente a frente do placar. 3 a 2. Foca então ampliou para Itabaiana após o vacilo de Cumbe. 4 a 2. Itabaiana estava a vontade no jogo. Vassoura, abusando da categoria, deu a chamada carretilha no adversário.

Renan cobrou tiro livre, o goleiro defendeu, Ureia pegou o rebote e não conseguiu fazer, mas Bebeto estava ali para marcar o quinto gol de Itabaiana. 5 a 2. Cumbe então apostou no goleiro linha e ficou tocando, rodando a bola, mas sem consegui agredir. Até que o time perdeu a bola e Bebeto fez mais um 6 a 2.

A seleção cumbense foi para o tudo ou nada. A pressão deu certo. Miguel diminuiu. 6 a 3. O Tricolor sentiu claramente o gol. Cumbe aproveitou e foi para cima. Jefferson roubou a bola de Vassoura e fez mais um para Cumbe. 6 a 4. A pressão continuava e Cumbe mostrou seu poderio ofensivo. A marcação subiu, Jefferson roubou novamente a bola e deixou o time vivo novamente no jogo. 6 a 5.

O jogo então virou um lá e cá a todo momento. Chances dos dois lados. E novamente Cumbe apostou no goleiro e… Deu errado. Hiltinho recuperou a bola e livre so teve o trabalho de empurrar para o gol e fechar a conta em Glória.

No final, vitória do melhor ataque que deixou Itabaiana muito perto da vaga para a final. Cumbe precisa vencer por pelo menos três gols de diferença para classificar-se para uma final inédita. A partida está marcada para a próxima segunda-feira, 20h15, no ginásio Chico do Cantagalo, em Itabaiana.

Fonte: GE

Enium Soluções Digitais

Deixe seu comentário!

Para: Em jogo frenético, Itabaiana vence Cumbe e sai na frente por vaga na final

Deixe uma resposta