Frontini tem nova chance e faz autocrítica por expulsão: “Infantilidade minha”

- Alexandre Pingo - - 31 de julho de 2017 | - 1:00 - - Home » Esporte - - Sem Comentários

A estreia de Frontini pelo Confiança teve seus altos e baixos. Contra o Salgueiro, há duas rodadas, o atacante foi bem no jogo. Deu assistência para Thiago Silvy abrir o placar no primeiro tempo. Mas na volta do intervalo, os proletários desandaram, levaram uma dolorosa virada por 4 a 1. De quebra, ainda perdeu o camisa 9, expulso por simular uma falta. No jogo seguinte, contra o Cuiabá, Tito assumiu o posto e a tendência era não sair mais. Porém, o atacante levou o terceiro amarelo e cumpre suspensão automática.

Com a ausência de Tito, naturalmente Frontini recebeu uma nova chance no time titular. O técnico Roberto Fernandes o garantiu no confronto desta segunda-feira à noite, na Arena Batistão, contra o Moto Club do Maranhão. Frontini falou desta nova oportunidade e fez uma autocrítica sobre a expulsão dele há duas semanas.

Frontini diz que expulsão foi infantilidade (Foto: Reprodução/TV Sergipe)

Frontini diz que expulsão foi infantilidade (Foto: Reprodução/TV Sergipe)

 

– Eu cheguei meio na correria e acabei estreando e por uma infantilidade de minha parte acabei sendo expulso, não posso fugir desta responsabilidade. O jogador com a experiência que eu tenho não pode passar por esse tipo de situação. Mas aconteceu e serve de aprendizado. E aí o Tito chegou, estreou e infelizmente acabou levando o terceiro amarelo por uma situação de jogo. Vai fazer falta no jogo, é outro jogador que se caracterizou muito com a camisa do clube e vai nos ajudar. Agora apareceu uma nova oportunidade para mim e então é procurar aproveitar da melhor maneira possível, dar conta do recado, cumprir com o que o Roberto Fernandes pediu durante a semana e sair com o resultado positivo. Acho que é isso que interessa, principalmente por se tratar de um adversário direto – falou Frontini.

Mesmo sem entrar em campo no fim de semana, o Confiança foi favorecido pela combinação de resultados e deixou a lanterna. Atualmente ocupa a 9ª colocação com 11 pontos. Se vencer o Moto, deixa a zona do rebaixamento. O time busca quebrar um jejum de nove partidas sem vitórias.

– Mesmo nesta situação ruim, e a tabela fala por si só, a gente tem que estar com a expectativa boa de poder fazer o melhor resultado dentro de casa. A gente entende que o torcedor está chateado, todo mundo do clube está chateado e nós jogadores mais chateados ainda porque alguns jogos tivemos a condição de vencer e não conseguimos, principalmente dentro de casa. Mas agora é o momento de ter tranquilidade para poder reverter esta situação – completou Frontini.

Fonte: GE Sergipe 
Enium Soluções Digitais

Deixe seu comentário!

Para: Frontini tem nova chance e faz autocrítica por expulsão: “Infantilidade minha”

Deixe uma resposta