GLÓRIA: Após abaixo assinado, igreja é proibida de tocar o sino por causa do barulho

- Alexandre Pingo - - 13 de maio de 2019 | - 3:09 - - Home » Cidades» Nossa Senhora da Glória» Notícias - - 3 Comentários

Foto: Redes Sociais

Após anos, o sino da Igreja Nova, em Nossa Senhora da Glória, é silenciado. Há meses o sino da igreja, que tocava de hora em hora, não emitia mais nenhum som. No primeiro momento algumas pessoas estranharam e logo pensaram que havia acontecido alguma falha mecânica, já que o sino era programado por um sistema. 

Somente na tarde desta segunda-feira, 13 de maio, durante o programa Fala Sertão, da FM Boca da Mata, a população gloriense soube o que de fato aconteceu. Conforte o apresentador do programa, Carlos Dias, o aparelho foi desligado após um abaixo assinado feito por algumas pessoas que moram nas proximidades da igreja. Elas alegavam que o barulho era muito alto e incomodava. Por conta disso, o sino deixou de tocar na Capital do Sertão. 

Logo após a notícia, vários fiéis entraram em contato com o programa para mostrar a sua revolta com o caso. Uma das ouvintes relatou que mora nas proximidades do templo cristão e que não se sentia incomodada com o toque do sino.

Outro caso

Recentemente, a Igreja de Santo Antônio e Almas de Itabaiana foi proibida de usar o som externo. Assim como aconteceu em Glória, moradores fizeram uma abaixo assinado solicitando a proibição do uso externo da entidade religiosa. 

Da Redação, Pingou Notícias 

 

Enium Soluções Digitais

Deixe seu comentário!

Para: GLÓRIA: Após abaixo assinado, igreja é proibida de tocar o sino por causa do barulho

3 respostas para “GLÓRIA: Após abaixo assinado, igreja é proibida de tocar o sino por causa do barulho”

  1. Ana Cristina Moura disse:

    Isso é um grande absurdo, proibirem tocar o sino da Igreja. Meu Deus a população está ficando cada vez pior, pois não devemos aceitar isso jamais.

  2. Sheila disse:

    Falta do que fazer.

  3. Quanta qualidade! Faz tempo que não vejo tanta informação bem detalhada em um só post, a informação bem repassada que faz a diferença. Eu como leitor amo isto, trabalho excelente!

Deixe uma resposta