HOMEM É PRESO EM FLAGRANTE POR POSSE ILEGAL DE ARMA DE FOGO, LOGO APÓS ENVENENAR E MATAR CACHORRO DA RAÇA LABRADOR NA CIDADE DE NOSSA SENHORA DA GLÓRIA

- Alexandre Pingo - - 9 de dezembro de 2020 | - 4:45 - - Home » Cidades» Monte Alegre» Nossa Senhora da Glória» Notícias - - 1 Comentário

Um homem de 43 anos, identificado como sendo ADALBERTO BARBOZA DOS SANTOS, foi preso em flagrante, suspeito de matar por envenenamento um cachorro da raça labrador no povoado Olhos d’água, zona rural do município de Nossa Senhora da Glória. O crime acorreu na manhã desta quarta-feira (09) e revoltou moradores da localidade.

Após o proprietário do animal registrar a ocorrência na Delegacia Regional, policiais civis se dirigiram até o referido povoado, sob a coordenação dos Delegados Eurico Nascimento e Murilo Gouveia, e efetuaram a prisão de ADALBERTO. Na oportunidade uma espingarda calibre 36 e diversas munições também foram apreendidas.

Também foram encontrados e apreendidos frascos contendo veneno utilizado em plantações agrícolas. Vale salientar que o veterinário que atestou a morte do animal, emitiu laudo sugerindo como causa da morte, envenenamento pelo mesmo tipo de substância encontrada na casa do acusado.

Ainda segundo informações policiais, e de acordo como o depoimento de 05 (cinco) testemunhas, o acusado já ceifou a vida de mais de 50 (cinquenta) animais, dentre gatos e cachorros, além de andar armado e ameaçar vizinhos.

Adalberto agora responderá pelos crimes de “maus tratos aos animais com resultado morte” e “porte ilegal de arma de fogo”, sem direito a fiança.

Enium Soluções Digitais

Deixe seu comentário!

Para: HOMEM É PRESO EM FLAGRANTE POR POSSE ILEGAL DE ARMA DE FOGO, LOGO APÓS ENVENENAR E MATAR CACHORRO DA RAÇA LABRADOR NA CIDADE DE NOSSA SENHORA DA GLÓRIA

Uma resposta para “HOMEM É PRESO EM FLAGRANTE POR POSSE ILEGAL DE ARMA DE FOGO, LOGO APÓS ENVENENAR E MATAR CACHORRO DA RAÇA LABRADOR NA CIDADE DE NOSSA SENHORA DA GLÓRIA”

  1. Jonathan disse:

    Ele nem arma tem como ele anda armado, aí é criar uma Fake News.

Deixe uma resposta