Inscrição para bolsa de doutorado no exterior é prorrogada até outubro

- Alexandre Pingo - - 30 de agosto de 2016 | - 10:26 - - Home » Política - - Sem Comentários

A coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) comunicou, no Diário Oficial desta terça-feira (30), que o prazo de inscrições para o programa de doutorado pleno no exterior foi prorrogado até o dia 14 de outubro de 2016. As demais datas do cronograma serão divulgadas nesta tarde, de acordo com a assessoria de imprensa da Capes.

No edital publicado em julho passado, o prazo máximo para as inscrições seria nesta terça (30). Apesar de o Diário Oficial comunicar que as novas datas já constam no site da Capes, elas ainda não foram atualizadas no endereço eletrônico.

A princípio, o resultado final sairia a partir do dia 18 de abril de 2017 e a complementação de documentos poderia ser feita até 30 de junho do ano que vem.

Quem fosse aprovado começaria os estudos no exterior de julho a novembro de 2017. Ainda não está confirmado se essa programação será mantida ou se todas as datas serão prorrogadas.

Doutorado pleno

O programa de doutorado pleno no exterior oferece bolsas de estudo com o objetivo de ampliar o acesso dos pesquisadores brasileiros aos centros internacionais de ensino, além de trazer visibilidade à produção científica do país no exterior.

De acordo com o edital, serão concedidas até 200 bolsas, “considerando a disponibilidade orçamentária e financeira da Capes”. No fim de junho, a Associação Nacional de Pós-Graduandos (ANPG) queixou-se de que as bolsas de doutorado no exterior não estavam sendo renovadas e afirmou que a Capes havia deixado de responder ou negado as solicitações de renovação. Na ocasião, a instituição alegou que não houve cortes e que o processo para manter as bolsas no exterior dependeria da análise de mérito dos pesquisadores.

As bolsas de doutorado pleno são concedidas, de acordo com o edital, por 12 meses, e condicionada a renovação para até 48 meses, caso o desempenho acadêmico dos alunos seja satisfatório.

Requisitos para participar

Pode se inscrever no programa de doutorado pleno quem:

– tenha diploma de nível superior, reconhecido na legislação brasileira;
– não esteja recebendo bolsa de estudos do governo brasileiro para doutorado no exterior;
– seja brasileiro ou estrangeiro com visto permanente no Brasil;
– não possua título de doutor.

Há a possibilidade de que alunos do curso de doutorado no Brasil, com no máximo um ano de matrícula, concorram a bolsas no exterior, desde que comprovem o desligamento da instituição brasileira.

Os procedimentos de inscrição e a lista de documentos necessária para concorrer à bolsa estão disponíveis no edital da Capes.

Fonte: G1

Enium Soluções Digitais

Deixe seu comentário!

Para: Inscrição para bolsa de doutorado no exterior é prorrogada até outubro

Deixe uma resposta