Irmãos mortos em confronto com a polícia têm envolvimento na morte do Capitão Oliveira, diz SSP

- Alexandre Pingo - - 23 de maio de 2018 | - 8:47 - - Home » Cidades» Nossa Senhora da Glória» Notícias - - Sem Comentários

A Secretaria de Segurança Pública (SSP) divulgou na manhã desta terça-feira (22) a informação que os irmãos, um de 22 anos e outro de 23, mortos em confronto com policiais da Companhia Independente de Operações Policiais em Área de Caatinga (Ciopac) no dia 8 de maio, tiveram envolvimento na morte morte do Capitão Oliveira, executado a tiros no dia 4 de abril no município de Porto da Folha (SE).

Segundo a SSP, foram eles quem deram suporte a quatro homens que assassinaram o capitão Manoel Oliveira. Na época, os investigadores decidiram não confirmar as informações por conta do avanço dos trabalhos no inquérito policial.

Ainda de acordo com a secretaria, foram os irmãos que, além do suporte logístico antes da execução do Capitão, incendiaram um dos veículos utilizados na ação, para despistar a polícia e facilitar a fuga dos quatro executores.

Entenda o caso

O Capitão Manoel Oliveira foi executado a tiros na noite do dia 4 de abril dentro de um veículo em uma estrada do município de Porto da Folha (SE), Alto Sertão do estado. Homens armados, em dois veículos Corolla, abordaram o oficial da PM e efetuaram vários disparos, próximo ao local onde fica a sede da unidade da Policia Militar.

No dia 18 de abril, a Polícia Civil divulgou fotos de um dos carros utilizados na morte do Capitão. Já no dia 2 de maio, a SSP divulgou um retrato falado de um dos suspeitos do assassinato. O retrato foi feito baseado nas investigações do Centro de Operações Policiais Especiais (Cope), que levaram a uma pessoa com as características.

Com informações do G1

Enium Soluções Digitais

Deixe seu comentário!

Para: Irmãos mortos em confronto com a polícia têm envolvimento na morte do Capitão Oliveira, diz SSP

Deixe uma resposta