Lyft é avaliada em US$ 24,3 bilhões em sua estreia na bolsa

- Alexandre Pingo - - 29 de março de 2019 | - 11:34 - - Home » Tecnologia - - Sem Comentários

A Lyft, concorrente da Uber, foi avaliada em US$ 24,3 bilhões nesta quinta-feira (28), na primeira oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) de uma startup de mobilidade urbana.

O IPO da Lyft prepara terreno para a estreia do rival maior Uber no mercado de ações, cujas fontes dizem que deve acontecer em abril. Segundo executivos de bancos, a Uber pode ser avaliada em até US$ 120 bilhões.

A avaliação da Lyft faz dela a maior empresa a abrir capital desde o Alibaba, em 2014. Isso abre caminho para empresas do Vale do Silício que querem entrar no mercado de ações este ano, incluindo Pinterest, Slack e Postmates.

A empresa informou que vendeu 32,5 milhões de ações, a US$ 72 cada, no topo de sua já elevada faixa de preço entre US$ 70 e US$ 72, ante intervalo anterior de US$ 62 a US$ 68.

O sucesso do IPO indica que muitos investidores estão dispostos a ignorar a incerteza sobre a trajetória da Lyft em relação à rentabilidade e sua estratégia de direção autônoma.

O mercado de IPOs teve um início lento em 2019, devido aos mercados voláteis no final do ano passado e à paralisação do governo em janeiro.

Com empresas iniciantes como a Lyft demorando mais tempo para chegar ao mercado, parte do dinheiro reservado para aplicar em empresas de alto crescimento tem ficado represado, com investidores procurando se diversificar de nomes como Facebook, Amazon, Apple, Netflix e Alphabet, dona do Google.

Fonte: G1 

Colégio Atena

Deixe seu comentário!

Para: Lyft é avaliada em US$ 24,3 bilhões em sua estreia na bolsa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *