MAÍSA DEFENDE A CONSCIENTIZAÇÃO SOBRE FEMINICÍDIO

- Alexandre Pingo - - 6 de março de 2019 | - 11:39 - - Home » Política - - Sem Comentários

A deputada Maísa Mitidieri (PSD) lamentou o crescimento do feminicídio (crime de ódio baseado no gênero, definido como o assassinato de mulheres), no país e em especial no Estado de Sergipe. De acordo com ela, a redução do número de casos passa também pela conscientização das mulheres.

“Eu como mãe, como filha, mulher, cidadã e advogada, sei o quanto o feminicídio tem crescido. Mas é preciso conscientizar as mulheres do papel delas e como devem agir. É um trabalho que deve ser feito no dia a dia, pois as mulheres  têm que saber o seu valor e fazer com que os homens as respeitem. Não quero aqui defender os homens, até porque é uma atitude que não se justifica”, entende.

A parlamentar defendeu o envolvimento da sociedade no sentido de barrar o avanço dos casos de feminicídio. “Eu quero dizer que tem que existir políticas públicas, tem que existir conscientização e para isso todos devem fazer o seu papel, acredita.

Casos no Brasil

Segundo o Mapa da Violência do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o número de mulheres assassinadas aumentou no Brasil. Entre 2003 e 2013, passou de 3.937 casos para 4.762 mortes. Em 2016, uma mulher foi assassinada a cada duas horas no país.

Em Sergipe

Levantamento da Secretaria de Segurança Pública de Sergipe (SSP/SE), destaca que durante o ano de 2018 foram registrados 37 casos de homicídios dolosos contra a mulher. Desses, 16 foram tipificados como feminicídios.

Por Aldaci de Souza

Foto: Jadilson Simões

 

Colégio Atena
Enium Soluções Digitais

Deixe seu comentário!

Para: MAÍSA DEFENDE A CONSCIENTIZAÇÃO SOBRE FEMINICÍDIO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *