Natália Gaudio conquista título de pentacampeã brasileira em Aracaju

- Alexandre Pingo - - 21 de novembro de 2016 | - 11:25 - - Home » Esporte - - Sem Comentários

Representante do Brasil no individual nos Jogos Olímpicos Rio 2016, Natália Gaudio foi a grande estrela de etapa do Campeonato Brasileiro de Ginástica Rítmica realizado neste fim de semana, em Aracaju. Representando a Escola de Campeãs-ES, a capixaba foi campeã por equipe no último sábado e neste domingo conseguiu o título no individual geral e em todos os aparelhos.

Natália Gaudio encerrou na capital sergipana um extenso calendário de competições que teve em 2016 sagrando-se pentacampeã brasileira. Ao final da competição, o sentimento dela era de dever cumprido diante de tudo que conseguiu realizar e por ter conseguido também concretizar o sonho de disputar uma Olimpíada.

– Eu não poderia estar mais satisfeita e agora encerro o ano com chave de ouro. 2016 foi maravilhoso para mim. Realizei meu sonho de participar dos Jogos Olímpicos, depois fui campeã Sul-Americana, Pan-Americana e Brasileira. Tenho recebido elogios e acredito que estamos colhendo os frutos do que plantamos. Isso me dá ainda mais gás para começar o ano que vem com mais energia, mais força. Estou super animada para 2017- comentou a ginasta.

No individual geral, Natália somou 64,950 pontos. Bárbara Domingos, da Agir – Associação de Ginástica Rítmica (PR), conquistou a prata, com 58,200, enquanto Karine Walter, da Associação Esportiva e Recreativa Sadia (PR), garantiu o bronze, com 53,800. O pódio se repetiu no arco, com Natália em primeiro, com 16,750, seguida por Bárbara, com 14,950, e por Karine, com 12,800. Na bola, Natália somou 15,500. Bárbara foi a segunda, com 13,750, e Carolina Garcia, da Escola de Campeãs (ES), a terceira, com 13,300. Nas maças, Natália conquistou 16,350. Bárbara, com 14,200, e Carolina, com 13,500, completaram o pódio. Para fechar, na fita, Natália garantiu 16,350. Bárbara, em segundo, fez 15,300, e Carolina foi a terceira, com 14,050.

O rendimento de Natália Gaudio encheu de orgulho a treinadora dela, Monika Queiroz, que também falou sobre o ano produtivo que teve ao lado da ginasta capixaba.

Natália Gaudio fala de ano incrível que teve em 2016 (Foto: Ricardo Bufolin/CBG)Natália Gaudio fala de ano incrível que teve em 2016 (Foto: Ricardo Bufolin/CBG)

– Esse foi o ano da minha vida profissional. Mesmo depois dos Jogos Olímpicos, as pessoas continuam falando como a Natália está evoluindo. De agosto para cá, ela melhorou ainda mais a velocidade dos movimentos, a execução e as dificuldades estão sendo feitas com mais clareza. As notas da Natália continuam subindo. Isso mostra maturidade e que estamos dando passos importantes para iniciar a nossa jornada para as Olimpíadas de Tóquio. Vamos trazer novamente para trabalhar conosco o coreógrafo espanhol Rubén Gavilan, nosso mentor há muitos anos. Ano que vem vamos zerar todas as séries- comentou a treinadora.

Copa Brasil de Conjuntos

Antes das provas individuais, foi realizada a Copa Brasil de Conjuntos. Na decisão dos cinco arcos, ouro para o Serc Santa Maria (SP), com 12,633. A prata foi para a Associação Ginástica Rítmica Colibri (PR), com 12,583, e o bronze para o Adiee/Udesc (SC), com 9,633. Na série de três bolas e duas cordas, a primeira colocação foi da Associação Ginástica Rítmica Colibri (PR), com 11,750, seguida pelo Serc Santa Maria (SP), com 11,600, e pelo Adiee/Udesc (SC), com 9,600.

Fonte: GE Sergipe 

Enium Soluções Digitais

Deixe seu comentário!

Para: Natália Gaudio conquista título de pentacampeã brasileira em Aracaju

Deixe uma resposta