PREFEITO DE ITABI DIZ QUE VACINAÇÃO FOI UM ATO DE CONFIANÇA

- Alexandre Pingo - - 20 de janeiro de 2021 | - 8:09 - - Home » Cidades» Monte Alegre» Nossa Senhora da Glória» Notícias - - Sem Comentários

A vacinação do prefeito de Itabi, Júnior de Amintas, na manhã desta terça-feira (19), causou repercussão nas redes sociais. Para o prefeito, foi “um ato de demonstração de segurança, legitimidade e eficácia da vacina”.

Em nota, a Secretaria Municipal da Saúde de Itabi diz que a imunização do prefeiro Júnior Amintas não teve caráter político, mas aconteceu como forma de incentivar a população Itabiense a vacinar-se, já que algumas pessoas encontram-se receosas em relação à vacina.

Por conta disso, o prefeito terá 24h para encaminhar ao Ministério Público Federal (MPF), em Sergipe, as justificativas que levaram ela a tomar a primeira dose da vacina contra a Covid-19. O gestor não faz parte dos grupos prioritários nesta primeira fase de vacinação e, por isso, acabou quebrando os critérios definidos pelo Ministério da Saúde e ‘furou a fila’ da vacinação.

O MPF também quer garantias da Prefeitura de Itabi de que o protocolo com os grupos prioritários da vacinação não será novamente quebrado, como feito nesta terça-feira.

O Ministério Público Estadual (MPE) informou que a Promotoria de Justiça de Itabi já tomou conhecimento da situação e que um procedimento será instaurado para apuração dos fatos.

Veja o que diz a nota da prefeitura

A Secretaria Municipal de Saúde de Itabi informa que as vacinas para o enfrentamento da Covid-19 foram recebidas hoje, dia 19/01/2021, com segurança, pela equipe da secretaria, e a continuidade do programa de vacinação seguirá o cronograma e o público-alvo estabelecidos pelas autoridades sanitárias competentes – a começar pelos profissionais de saúde –, dados que serão divulgados pela equipe gradativamente nas redes sociais para o conhecimento de todos, em atenção ao princípio da publicidade administrativa. A Secretaria explica, ainda, que, segundo o Informe Técnico “Campanha Nacional de Vacinação contra a Covid-19”, elaborado pelo Ministério da Saúde, é “facultado a Estados e Municípios a possibilidade de adequar a priorização conforme a realidade local”, razão pela qual o prefeito Júnior de Amynthas foi imunizado, em um ato de demonstração de segurança, legitimidade e eficácia da vacina, para incentivar a população Itabiense a vacinar-se, tendo em vista os receios existentes a esse respeito – o que não configura um ato de caráter político, como tem sido equivocadamente interpretado e taxado, mesmo porque chefes do executivo em outros Municípios e Estados também têm sido imunizados, embora alguns não registrem em fotos e vídeos para tornar público e transparente esse incentivo à imunização. Na mesma ocasião, foram imunizadas uma profissional da equipe de vacinação do município, uma pessoa com comorbidades, presente na clínica naquele momento, e também um médico, conforme as determinações do Ministério da Saúde. A Secretaria aproveita a oportunidade para reafirmar o compromisso com a veracidade dos fatos e com o prosseguimento da campanha de imunização em consonância com as diretrizes sanitárias estabelecidas pelo Ministério da Saúde, prezando sempre pela saúde e pelo bem-estar dos Itabiense, e ressaltando a segurança e a eficácia da vacina contra a Covid-19.

Com informações do Faxaju

Enium Soluções Digitais

Deixe seu comentário!

Para: PREFEITO DE ITABI DIZ QUE VACINAÇÃO FOI UM ATO DE CONFIANÇA

Deixe uma resposta