“Serão meus adversários”, diz Betinho sobre reencontro com o Confiança

- Alexandre Pingo - - 9 de dezembro de 2016 | - 11:34 - - Home » Esporte - - Sem Comentários

A pré-temporada começou no Estádio João Hora. O técnico Betinho ainda não lidera os treinos, mas observa com atenção seus novos comandados. Enquanto os trabalhos com bola não começam, muitas perguntas são feitas, entre elas sobre como ele imagina o encontro contra o Confiança, sua ex-equipe.

Segundo Betinho, ele não pensa sobre esse encontro, diz que sempre vai respeitar o Confiança, mas que durante noventa minutos serão seus adversários.

– Só na hora mesmo que vou vivenciar esta situação (enfrentar o Confiança). Quando estava no Sabino Ribeiro, muitos torcedores do Sergipe me parabenizavam pelos resultados que conquistei lá, fiz uma história que não será apagada, o meu respeito pelo Confiança vai ser o mesmo, mas durante noventa minutos, serão meus adversários – afirmou Betinho.

Enquanto ele não pensa no Clássico Maior, o treinador Colorado afirma que prioridade no momento é conhecer os profissionais do Sergipe.

 

– Primeiro de tudo quero conhecer o ambiente do clube, as pessoas que vão trabalhar comigo, os jogadores. Esse é o primeiro passo: Ter um bom entendimento e relacionamento com essas pessoas e consequentemente o trabalho do dia. Nesta fase, a parte física será o foco. Estou feliz por estar aqui e espero ter sucesso como foi no Confiança – disse.

Outra pergunta que responde com mais frequência é sobre o que disse aos seus novos comandados. Ele quer time comprometido com o resultado positivo.

– A primeira situação que passei para eles (jogadores) é o comprometimento com o trabalho. É a responsabilidade que se faz fora de campo que vai interferir dentro do trabalho. A maioria deles já são campeões em outros estados, então sabem que é preciso ter muito trabalho para conquistar os resultados – explicou o que disse aos jogadores no seu primeiro dia de trabalho.

Betinho; Sergipe; João Hora (Foto: Osmar Rios / GloboEsporte.com)

Betinho diz que prioridade é se enturmar no João Hora (Foto: Osmar Rios / GloboEsporte.com)

– É colocar na cabeça dos jogadores que todos são importantes. Se jogar um minuto ou noventa minutos o comprometimento precisa ser o mesmo. Espero que eles entendam isso, pois são profissionais e estão buscando o melhor.

Betinho revelou que está satisfeito com o grupo atual, mas que sempre deixa as portas abertas para possíveis boas contratações no decorrer do campeonato.

– A princípio estou satisfeito com o grupo atual. É claro que no decorrer do trabalho a gente vai percebendo algumas necessidades e, como sempre digo, as portas sempre estão abertas para bons jogadores. O clube tem uma base bem consolidada e buscou reforços para alguns setores. No momento estou satisfeito.

Fonte: GE Sergipe 

Enium Soluções Digitais

Deixe seu comentário!

Para: “Serão meus adversários”, diz Betinho sobre reencontro com o Confiança

Deixe uma resposta