Suspeita de manter filha em cárcere privado é presa pela Polícia Militar

- Alexandre Pingo - - 7 de junho de 2016 | - 8:42 - - Home » Cidades» Nossa Senhora da Glória» Notícias - - Sem Comentários
Prisão-feminina

Imagem meramente ilustrativa

A Polícia Militar de Sergipe, por meio da 2ª Companhia do 2º Batalhão de Polícia Militar (2ª Cia/2º BPM), conduziu à delegacia Maria Valderez Barboza, sob a acusação de manter uma jovem de 19 anos em cárcere privado, nesta segunda-feira, 6, no município de Neópolis, região do Baixo São Francisco.

Os policiais militares receberam uma denúncia, via 190, de que em uma residência da avenida Comandante Garcindo havia uma pessoa mantida em cárcere privado. A equipe dirigiu-se ao local e, chegando à porta da casa, ouviu alguém falar: “estou aqui, estou aqui”. A voz vinha do interior de um quarto que estava fechado com corrente e cadeado.

A vítima, de 19 anos, foi identificada, bem como outros três menores de idade que estavam na residência: uma adolescente de 16 anos, uma menina de cinco e um garoto de 1 ano e oito meses, filho da vítima. Questionada sobre a chave do cadeado que fechava a porta, a adolescente disse à polícia que estaria em poder da mãe, a senhora Maria Valdez Barboza, a qual estaria trabalhando naquele momento.

A guarnição abriu a porta à força e libertou a vítima. Momentos depois, a genitora apresentou-se na sede da 2ª Companhia e foi encaminhada à Delegacia de Neópolis, juntamente com a filha de 19 anos que estava trancada, a fim de prestar esclarecimentos sobre o fato.

Fonte: PM/SE

Enium Soluções Digitais

Deixe seu comentário!

Para: Suspeita de manter filha em cárcere privado é presa pela Polícia Militar

Deixe uma resposta