UFS abre curso de formação para dirigentes sindicais

- Alexandre Pingo - - 9 de agosto de 2017 | - 1:59 - - Home » Cidades» Nossa Senhora da Glória» Notícias - - Sem Comentários

A Universidade Federal de Sergipe (UFS) promove o curso de atualização para dirigentes sindicais, ‘Capitalismo, Estado e Luta de Classes’, no período de 23 de setembro a 16 de dezembro deste ano. O curso acontece no auditório da Central Única dos Trabalhadores (CUT), em Aracaju, dividido em seis sábados, cada um corresponde a uma unidade que aborda a temática do Trabalho interagindo com Comunicação, Direitos Humanos e Justiça.

O projeto inova na formação dos dirigentes sindicais em Sergipe, porque amplia a formação técnica e política dos dirigentes e possibilita a formação sindical como instrumento de acesso ao ensino público de nível superior. O curso é uma parceria entre o Grupo de Estudo e Pesquisa Trabalho, Questão Social e Movimentos Sociais (GETEQ), vinculado ao Departamento de Serviço Social da UFS, em parceria com a Federação dos Trabalhadores do Serviço Público Municipal do Estado de Sergipe (FETAM) e o Sindicato dos Trabalhadores do Poder Judiciário do Estado de Sergipe (SINDIJUS).

A proposta busca capacitar trabalhadores que atuam como dirigentes sindicais, proporcionando a compreensão de conceitos sobre trabalho, o modo de produção capitalista, a definição de classes sociais, a função do Estado na sociedade capitalista, a luta de classes e o papel das organizações da classe trabalhadora. Discussões imprescindíveis para o processo organizativo e mobilizador das organizações sindicais na contemporaneidade.

O curso “Capitalismo, Estado e Luta de Classes” tem o caráter de extensão universitária. Ofertado na modalidade presencial, está estruturado em 6 unidades, em 6 sábados, cada unidade com 8 horas, totalizando uma carga horária de 48 horas:

Unidade 1: Como funciona a sociedade capitalista.

Unidade 2: Classes sociais, consciência de classe e luta de classes.

Unidade 3: O papel do Estado e a relação com os movimentos sociais, populares e sindicais.

Unidade 4: A crise do capital na contemporaneidade e a luta sindical.

Unidade 5: Comunicação Sindical e Social como um instrumento da disputa de hegemonia na sociedade.

Unidade 6: Organização e gestão sindical desafios e limites na atualidade.

A previsão do início das atividades é 23 de setembro, momento que será realizada a primeira unidade do curso, das 8 às 17 horas. As demais unidades serão realizadas quinzenalmente, no mesmo horário. O encerramento do curso está previsto para o dia 16 de dezembro.

Os educadores que irão monitorar as unidades do curso serão professores do quadro da universidade e convidados externos, como professores de outras entidades ou educadores populares. Para obter o certificado de conclusão do curso, expedido pela Universidade Federal de Sergipe, os participantes deverão ter frequência de, no mínimo, 70%.

Inscrições

As inscrições poderão ser realizadas até o dia 20 de agosto, limitadas a 60 vagas, através de e-mail para [email protected] Os interessados devem constar na mensagem o título ‘Curso de Formação’ e informar nome completo, RG, CPF, e-mail e telefone

Enium Soluções Digitais

Deixe seu comentário!

Para: UFS abre curso de formação para dirigentes sindicais

Deixe uma resposta